terça-feira, 30 de outubro de 2012

Entrevista Le Mars







Le Mars é um dos novos nomes do grindcore nacional, mas que através de seus integrantes possui um curriculum pra lá de importante. Trocamos umas idéias com Bruno Dias (vocal e guitarrista).

( Bruno Dias - Vocal e Guitar)


Cenário Zine - Então Bruno 1° muito obrigado por ceder tempo e espaço para o blog, o Le Mars é um power trio, que consegui unir amigos com curriculum no underground bem forte, com passagem em bandas como Horrormind ( cara num ouvia falar dessa banda  há tempo), Evorkers,  Life is a Lies e Ultima Sinfonia) . Como se veio a junção e formação da Le Mars ?

Bruno Dias - Primeiramente, é um prazer pra genta tá aqui no seu Blog Anderson, muitíssimo obrigado pelo espaço cedido!

A verdade é que em alguma dessas mesmas bandas eu e o Paulo (bateria) tocamos juntos, e com o término delas a gente resolveu se juntar e fazer algo novo, com diferentes  influências e ideologias pra ser um pouco mais fiél ao que a gente tava escutando na época. A sorte é que acima de tudo nós três somos grandes amigos e já agora com certa experiência a gente sabe o que esperar ou não em termo de som, banda, cena e tudo mais e levamos tudo de uma forma mais calma e direta em direção aos nossos objetivos.

Cenário Zine - Recentemente, a banda liberou uma música chamada "Anon (Cliquei aqui e ouça a música)" no trama virtual. Catei esse som, fala um pouco sobre essa música e a letra. Como sendo unica gravação da banda, fica  a curiosidade sobre futuros sons, qual previsão Le Mars de um material ?

Bruno DiasA gravação de Anon na verdade foi um teste que fizemos no estúdio La Migra em São Paulo  e o resultado ficou bem melhor do que esperávamos, tanto que resolvemos divulgar.  Já que a intenção inicial era lançar apenas no final so ano após uma gravação que faremos e lançaremos já uns 6 sons. A letra de Anon tem bastante simbolismo e mensagens subliminares, mas basicamente fala de um poder, forma ou pessoa, que vêm para tentar dominar e ser a verdade absoluta e como as pessoas podem absorver e lutar contra  esse tipo de situação.Tivemos que dar uma parada nas gravações para poder fazer essa tour com o Dead Infection, mas estamos negociando com gravadoras boas, para um bom lançamento pro começo do ano que vêm, mas lançaremos mais sons online em dezembro com certeza



Cenário Zine - Mencionado Dead Infection , antes de fala dessa tour com caras, a "Le Mars," já vem há um tempo se apresentando com grandes bandas do cenário nacional e internacional. Muito desses gringos nunca passaram por aqui e estão tendo essa oportunidade. Fala um pouco dessa correira, das bandas que vocês já se apresentaram juntos tanto as gringas e as tupiniquin e as perspectivas da tour com "Dead Infection " ?

 Bruno DiasCara, a gente vêm tocando com tantas bandas foda que pra gente tá sendo um prazer enorme. Não só as gringas como Aberrant, Pulmonary Fibrosis, Pigsty, Stoma como as várias  nacionais que a gente é amigo e tamo ae faz anos na correria com eles. Os caras do Dead Infection eu já conheço faz um bom tempo, fui fazer uma tour na Europa com o LIAL( Life is a Lie) e os conhecí pessoalmente e desde lá a gente vêm conversando sobre uma tour juntos.. finalmente deu certo!
Estamos bem anciosos. Vamos tocar em lugares como Curitiba e Rio de Janeiro, que eu praticamente batia cartão quando tocava no Evokers desde 1997... Então tamo em casa... 
Espero rever vários amigos de longa data, fazer muitos novos,mostrar pra eles um pouco do nosso trabalho e humildemente esperar que eles curtam.A próxima ideia é fazer algumas datas com o Dead Infection lá fora também.

Cenário Zine - Não poderia passar em branco, "More Gore Than Before Fest". Festival louco, na minha humilde opnião.. junto com Splatter Night(RS), e Brothers in Gore (RJ) , onde bagulho doido do grind/gore/splatter , a brutalidadeem sim, ocorrem.  Lá no "MGTBF" tem tudo pra ser devastador. 

Porra cara, expectativa enorme pra esse fest.. Primeiro que os caras do MDK são brotherzassos faz uns 15 anos e ainda tá aqui dividindo o palco com eles pra gente é uma honra. E velho, é só ver o cast que você já arrepia... todas as bandas são foda.. representam demais a cena paulista. É como eu falo, não existe nada mais underground que isso. Muita gente fala sobre o underground mas não faz ideia do que é a correria de organizar um fest com tanta banda foda e ainda ter medo de tomar prejuízo, porque é só quem curte muito que vai. Mas eu tenho certeza que vai dar tudo certo, não só no More Gore, mas nas outras datas dessa tour... e o pensamento é esse.. Chegar lá e quebrar tudo!!

Cenário Zine -Retificando... Obrigado Bruno e Le Mars.

 Bruno Dias
Ae Anderson, brigadasso pelas perguntas e parabéns pelo blog e pela correria de divulgar o underground!! 

 (Bruno Dias -Vocal & Guitar / Felipe - Baixo / Paulo XIII - Bateria) 



Link's Le Mars :





Le Mars - Mars Infected Tour 

Um comentário:

Bruno disse...

bandão mó sonzeira!